• Claudia Silva

Tim Atlas – Na Montanha das Harpias#1


Tim Atlas – Na Montanha das Harpias

Autor: Daniel de Carvalho

Editora Coerência

Pag.398

Ano: 2016 – 1º edição

ISBN: 978-85-92572-29-7

Capa: Décio Gomes

Diagramação: Bruno Lira

Revisão: Kate Willians

Gênero: Literatura Brasileira / Fantasia / Aventura

Fonte: Boa, com espaçamentos adequados.

Olá turminha boa de leitura, hoje vou comentar sobre o livro Tim Atlas – Na Montanha das Harpias do autor Daniel de Carvalho que tive o prazer em conhecê-lo no lançamento do livro na Bienal do Livro de São Paulo em 2016 e esse é mais um livro em parceria com a Editora Coerência. Esse é o primeiro livro que leio desse autor e essa é uma daquelas estórias que envolvem aventura, lendas, com dosagens de ficção científica e um bom romance.

Esse é o primeiro de uma série, mas fiquem tranquilos, pois todos terão um começo, um meio, e um fim.

A capa desse livro é muito bonita e condiz com o enredo. Adorei!

Deve ser perturbador uma pessoa não conseguir lembrar quem era ou de onde veio. Era assim que Tim Atlas se sentia, com um enorme e angustiante vazio. Era como se ele nascesse a cada instante, sem passado, sem rostos, ou melhor, sem história. Para ele nada fazia sentido. Esses 2 anos eram assim. Até que ao chegar em São Paulo alguns flashes de reconhecimento começaram a surgir. Aquele lugar era familiar!

Em uma madrugada no sitio do Dr. Ignatis na cidade de Jundiaí foi encontrado um rapaz a beira da morte com ferimentos pela cabeça e perfurações de bala. O Dr. Ignatis era um conceituado médico geneticista que ao ver aquele rapaz jogado a própria sorte realizou uma cirurgia de emergência ali mesmo em sua propriedade, pois não havia tempo para removê-lo, acontece que nenhum tipo de documento foi encontrado com o rapaz. Durante seis meses ele ficou em coma, mas sua recuperação física foi extraordinária. Durante esse período tentaram encontrar pistas a respeito do rapaz, mas sem sucesso. Ao despertar ele não se lembrava de absolutamente nada e então o Dr. Ignatis o assumiu como seu tutor legal, providenciando documentos e o registrando com o seu próprio nome Timóteo Atlas Ignatis, a partir de então ele teve um nome, uma família e uma referencia. Nasceu assim Tim Atlas o nosso herói!

Tim era um rapaz bonito, perspicaz, dono de uma força física descomunal e de uma grande inteligência, mas agora só faltava trabalhar e era isso que Dr. Ignatis iria conseguir para ele!

O Dr Ignatis era amigo de longa data do Sr. Alfred Dolan e esse seu amigo, por 2 anos vivia uma eterna angustia e incerteza localizar o paradeiro de suas 2 netas, Aurora e Rosicler ambas com 12 anos na época, que desapareceram sem deixar rastros em um passeio de lancha que faziam nas águas do rio Mamoré em Guajará-Mirim distrito de Rondônia. Na época do desaparecimento os policias da região fizeram uma intensa busca por todos os locais possíveis, mas o agravante era que além do desaparecimento das meninas sumiram também a piloto da lancha e a lancha! Sinal nenhum. Sumiram como fumaça!

Desde então ele e sua esposa tinham esperança de encontrar as meninas, mas não conseguiam encontrar alguém que tivesse a destreza e o comprometimento em tentar desvendar o que tinha acontecido com elas. Se haviam morrido ou se estavam perdidas.

Ao falar de seu pupilo para o Sr Dolan e todas as suas qualidades ambos perceberam que ele seria a pessoa indicada para localiza-las.

Tim Atlas ficou feliz em poder ajudar nesse caso tão misterioso. Estando tudo pronto para sua partida, lá se foi nosso desbravador para sua grande e importante missão. Qual mistério existia nesse desaparecimento?

Depois de uma viagem desgastante Tim chega ao seu destino, Guajará-Mirim um lugar paradisíaco, cercado por uma floresta de grande encantamento e rodeada de mistério. Pela manhã Tim inicia sua investigação, mas não será nada fácil, pois as pessoas daquele lugar não conseguem ajuda-lo como ele pensou... mas uma luz no fim do túnel acontece e seu nome é Lothar um antigo funcionário que estava lá quando ocorreu o desaparecimento das meninas. Lothar será um grande aliado para Tim, pois ambos tentarão saber ao certo o que aconteceu com as meninas e com a piloto que estava com elas e isso era um ponto importante para Lothar, pois ela era sua namorada!

Tanto Tim como Lothar estão prestes a entrar em um mundo desconhecido onde tudo pode acontecer cercado por uma neblina intensa, lendas, mistério, floresta encantada, seres sobrenaturais, índios que nunca tiveram contato com a civilização, homens voadores e harpias gigantes e ferozes que guardavam uma montanha.

Mas diante de tanta adversidade um ser encantado de nome “Moça da Floresta” poderá ser uma grande aliada na busca do paradeiro das jovens e também mostrar para Tim que ninguém está livre de emoções e sentimentos, independente para onde for e com quem for!

O que Tim Atlas não sabia era que essa viagem revelaria algo além de sua compreensão e que sua chegada já estava predestinada!

Conseguiria Tim Atlas descobrir o que aconteceu com as jovens?

E qual segredo gira em torno daquele lugar?

Essa é uma estória narrada em terceira, com muitos elementos ligados a mitologia. Gostei muito do cenário proposto pelo enredo. Quando Tim Atlas chega a Guajará-Mirim a aventura começou e me prendeu muito, pois sempre assisti aos filmes do Jim da Selva e de Indiana Jones e essa estória tem um “Q” desses filmes que sempre gostei bastante. Na estória temos muitos personagens e alguns ficaram um pouco soltos, mas não interferiu na leitura ou na dinâmica da trama. Como adoro muitos elementos em uma estória essa me ganhou!

Tim Atlas é um personagem muito decidido e focado vai ao fundo a suas metas, mas o achei bastante presunçoso e bem machista, mas pensando bem quase todos os heróis que vemos também o são então ele não foge ao estereótipo dos heróis já conhecidos. Quanto a “Moça da Floresta”, ela era muito submissa e aceitava bem qualquer imposição, gostaria que ela tivesse mais atitude!

É uma estória bem movimentada com lutas, fugas, penhascos e chuvas torrenciais, para quem curte aventura é maravilhoso. Essa estória fala de benevolência, solidariedade, cumplicidade, tradições, buscas, amizades e amores improváveis.

Daniel de Carvalho conseguiu me conduzir por uma estória cheia de aventura e mistério, cheguei a sentir a umidade da neblina e o som angustiante da noite em um barco a deriva. Aplausos!

Agora aguardo o próximo livro e quem sabe desvendar o mistério que envolve o Dr. Ignatis e a existência de Tim Atlas e tantos outros que encontrei no decorrer da estória.

Parabéns Editora Coerência por me proporcionar a mais uma ótima leitura.

Sabe o que mais curti?

Essa estória ter uma aventura tão saborosa com ambientação totalmente brasileira!!!

Vamos apoiar a literatura nacional!

É isso, beijos e tchau!

#harpiasaventuras

2 views
  • All Souls Night
  • -
  • Loreena McKennitt
00:00 / 00:00

@2016. Todos os direitos reservados a euleiosimedai.com.br